© CRISTINA CANALE 2019
1/2
 

2018 

Cabeças / Falantes, Galeria Nara Roesler, São Paulo

2017

Things and Beings, Galeria Nara Roesler, Nova York

2016

Caleidoscopio, Galeria Silvia Cintra + Box 4, Rio de Janeiro

 

2015

Cristina Canale: Zwischen den Welten, Kunstforum Markert Gruppe, Hamburg, Germany

 

2014

Entre o ser e as coisas, Galeria Nara Roesler, São Paulo

Spiegel und Erinnerung, Galerie Atelier III, Barmstedt, Alemanha

Entremundos, Paço Imperial, Rio de Janeiro

 

2013

Protagonista e Domingo, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, SP

Protagonisten, Galerie P-13, Heidelberg, Alemanha

 

2012

Pars Pro Toto, Galeria Silvia Cintra+box4, Rio de Janeiro, Brasil

Galerie Schmalfuß, Marburg, Alemanha

Cabeça-Tronco-Membros, Bolsa de Arte, Porto Alegre

 

2011

Sem palavras, Galeria Nara Roesler, São Paulo

Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão  Prêto, São Paulo

 

2010

Cristina Canale – Arredores e Rastros, MAM-RJ, Rio de Janeiro.

 

2009

Contos, Galeria Sílvia Cintra, Rio de Janeiro

 

2008

Mondo cane, Galeria Nara Roesler, São Paulo

 

2007

Cenas, Galeria Baginski, Lisboa

Cristina Canale, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo

Caiçaras, Bolsa de Arte, Porto Alegre

Galerie van der Mieden, Antuérpia, Bélgica

 

2006

Banhistas, Galeria Sílvia Cintra, Rio de Janeiro

Copa da Cultura Embaixada do Brasil, Berlim

 

2005

"Arredores", Galeria Nara Roesler, São Paulo

 

2004

Galerie Schmalfuß, Marburg, Alemanha

Museum Theo Kerg, Schriesheim, Alemanha

 

2003

Rastros, Paço das Artes, São Paulo

Paraísos, Galeria AM, Belo Horizonte

 

2002

Áreas de lazer, Galeria Anna Maria Niemeyer, Rio de Janeiro

 

2001

Galeria Marina Potrich, Goiânia

Wohnzimmer und andere GemutlichkeitenKunstverein Genthiner Elf, Berlim

 

2000

Grenzenlos (com Rolf Behm), Städtisches Museum Eisenhuttenstadt-Furstenberg, Alemanha

Amor proibido, Paço Imperial, Rio de Janeiro

 

1999

Kunstverein, Bretten, Alemanha

Interiores, Galeria de Arte São Paulo, São Paulo

Sem fronteiras (com Rolf Behm), Palácio das Artes, Belo Horizonte

 

1998

Kunst im Stift, Koblenz, Alemanha

Flutuantes, Galeria Anna Maria Niemeyer, Rio de Janeiro

 

1995

De cisnes, folhagens e ornamentos, Paço Imperial, Rio de Janeiro

Galeria Anna Maria Niemeyer, Rio de Janeiro

Galeria de Arte São Paulo, São Paulo

 

1992

Galeria de Arte São Paulo, São Paulo

 

1990

Galeria de Arte São Paulo, São Paulo

 

1989

Pasárgada Arte Contemporânea, Recife

 

1987

Galeria de Arte do Centro Empresarial Rio, Rio de Janeiro

 

1985 

Galeria Contemporânea, Rio de Janeiro

 

2019

8th Beijing International Art Biennale, China 

7ª edição do Prêmio Indústria Nacional Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas, Museu de Arte Brasileira da FAAP, São Paulo

Ateliê de Gravura: da tradição à experimentação, Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre, Brasil

The woman who walks with me, Galeria Nara Roesler, Nova York

 

2018

Elogios da cor, Galeria Carbono, São Paulo

Mulheres na Coleção MAR, Museu de Arte do Rio, Rio de Janeiro

MACS Fora de Casa – Poéticas do feminino, Sesc Sorocaba, Sorocaba, São Paulo

#2018, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, São Paulo 

2017

Still Alive 2.0 – Stilllebenmalerei, Michael W. Schmalfuss Gallery, Marburg, Alemanha

Die Anwesenheit der Welt – The presence of the world. Malerei und Skulptur, Michael W. Schmalfuss Gallery, Berlin

Alucinações à beira mar, Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro

Modos de ver o Brasil: Itaú Cultural 30 anos, Oca – Pav. Gov. Lucas Nogueira Garcez, Parque do Ibirapuera, São Paulo

2016

A cor do Brasil, MAR, Rio de Janeiro

Bienal Naif do Brasil, Sesc – São Paulo

 

2015

O espírito de cada época, Instituto Figueredo Ferraz, São Paulo

 

2014

"Adensamento e expansão", arte contemporânea no acervo CCUFG, Centro Cultural UFG, Goiânia

Figura Humana, Caixa Cultural, Rio de Janeiro

Prática portátil, Galeria Nara Roesler, São Paulo

 

2013

Espelho d'água, coleçãoparticular.com, São Paulo

Land der Zukunft, Lichthof – Auswärtiges Amt, Berlim

 

2012

Além da forma, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, SP

 

2011

O Colecionador de Sonhos, Instituto Figueiredo Ferraz, Ribeirão Preto, SP

6ª Vento Sul, Bienal de Curitiba, Casa Andrade Muricy, Curitiba

Hundesalon, galerie Bengelsträter, Düsseldorf, Alemanha

 

2010

1ª Mostra do Programa de Exposições de 2010, CCSP, São Paulo

Galeria Marcelo Guarnieri, Ribeirão Preto, SP

 

2009

Dentro do traço, mesmo, Fundação Iberê Camargo, Porto Alegre

 

2008

Positionen 2008, Galerie Noah, Augsburg, Alemanha

Um século de arte brasileira – Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte de Santa Catarina, Florianópolis

 

2007

Poder e afetividade, Galeria Sílvia Cintra, Rio de Janeiro

Da visualidade ao conceito 80-90: Modernos pós-modernos etc., Instituto Tomie Ohtake, São Paulo

Um século de arte brasileira – Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte Moderna da Bahia, Salvador

 

2006

É hoje na arte brasileira contemporânea – Coleção Gilberto Chateaubriand, Centro Cultural Santander Banespa, Porto Alegre

The image of the sound: football, Haus der Kulturen der Welt St. Elisabeth Kirche, Berlim

Um século de arte brasileira – Coleção Gilberto Chateaubriand, Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo e Museu Oscar Niemeyer, Curitiba

 

2005

Transeuntes – América Latina, Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo

Discover Brazil, Aktuelle Malerei, Skulptur, Installation, Ludwig Museum im Deutschherrenhaus, Koblenz, Alemanha

Piscinas, Sílvia Cintra Galeria de Arte, Rio de Janeiro

Arte em metrópolis, Instituto Tomie Ohtake, São Paulo

 

2004

Onde está você, Geração 80?, Centro Cultural Banco do Brasil, Rio de Janeiro

 

2003

Arte em diálogo – artistas do Brasil e da Noruega, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro

Zeitgenössische brasilianische Kunst in Deustchland, Embaixada do Brasil, Berlim

Marcantonio Vilaça – passaporte contemporâneo, Museu de Arte Contemporânea de São Paulo, São Paulo

Grenzsignale, ARCIS-DAAD, Santiago do Chile

 

2002

Coleção Metrópolis, Pinacoteca do Estado de São Paulo, São Paulo

Em matéria de natureza, Maison de l'Amérique Latine, Paris; ICBRA, Berlim; Solar Grandjean de Montigny, Rio de Janeiro

Caminhos do contemporâneo - 1952-2002, Paço Imperial, Rio de Janeiro

28(+)pintura, Espaço Virgílio, São Paulo

 

2001

Espelho cego, Coleção Marcantonio Vilaça, Paço Imperial

Rio de Janeiro; Museu de Arte Moderna, São Paulo

Bilderwetter, Kulturring-Berlin, Berlim

Dozenten der Sommerakademie 2001, Künstlerhaus Schloss Nackel, Alemanha

Cristina Canale, Osmar Pinheiro, Sérgio Sister, Galeria A Hebraica, São Paulo

 

1999

Moto migratório, Rudolf Scharf-Galerie, Ludwigshafen, Alemanha

 

1998

Arte brasileira contemporânea, Künstlerhaus Berlin, Berlim

Moto migratório, MAC-Ibirapuera, São Paulo

Der brasilianische Blick – Sammlung Gilberto Chateaubriand, Haus der Kulturen der Welt, Berlim; Luwig Forum fur Internationale Kunst, Aachen; Kunstmuseum, Heidenheim, Alemanha

Geração 80, Galeria Marina Potrich, Goiânia

 

1997

Peinture – Trau Deinen Augen, Hausvogteiplatz 2, Fundação Starke, Berlim.

8 artistas brasileiros, Universidade de Greifswald, Alemanha.

 

1996

Organicus, Instituto Cultural Brasileiro em Berlim (ICBRA); Galerie Drei, Dresden, Alemanha; Centro de Artes Visuais Tambiá (CAVT), João Pessoa; Galeria Valu Ória, São Paulo; Museu de Arte de Ribeirão Preto, Brasil

Dialog – experiências alemãs, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro

Contrapartida, Kunstspeicher Potsdam, Alemanha

 

1995

Paisagem, Galeria de Arte São Paulo, São Paulo

Anos 80 – o palco da diversidade, Coleção Gilberto Chateaubriand, Galeria de Arte do SESI, São Paulo

 

1994

Images of the 80 and 90, Museum of Americans, Washington, D.C.

Papel do Rio, Paço Imperial, Rio de Janeiro

The exchange show, Center for Arts Yerba Buena Gardens,

São Francisco, EUA; Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro

 

1993

Workshop Brasil-Alemanha, Maceió

Guignard  a escolha do artista, Paço Imperial, Rio de Janeiro

Wiepersdorf 93, Castelo de Wiepersdorf, Alemanha

 

1992

Branco dominante, Galeria de Arte São Paulo, São Paulo.

Eco-art, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro.

Avenida Central, Museu Nacional de Belas Artes, Rio de Janeiro.

 

1991

BR-80, pintura brasileira dos anos 80, Fundação Casa França-Brasil, Rio de Janeiro

Viva Brasil viva, Liljevalchs Konsthall, Estocolmo

21ª Bienal Internacional de São Paulo

 

1990

Arte moderna brasileira – Coleção Gilberto Chateaubriand, Museu de Arte Moderna, Rio de Janeiro

Olhar Van Gogh, Museu de Arte São Paulo, São Paulo; Escola de Artes Visuais, Rio de Janeiro; Palácio das Artes de Belo Horizonte; Museu de Artes de Brasília, Brasília

 

1989

Novos valores da arte latino-americana, Brasília

Canale, Fonseca, Milhazes, Pizarro, Zerbini, Museu de Arte Contemporânea, Parque Ibirapuera, São Paulo; Museu Municipal de Arte de Curitiba; Funarte, Rio de Janeiro

 

1987

Novos novos, Galeria de Arte do Centro Empresarial Rio, Rio de Janeiro

 

1985

Velha mania, desenho brasileiro, Escola de Artes Visuais, Rio de Janeiro

 

1984

Como vai você, geração 80?, Escola de Artes Visuais, Rio de Janeiro

 
  • Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro (MAM-RJ), Coleção Gilberto Chateaubriand, Brasil
     

  • Museu de Arte Contemporânea de Niterói (MAC-Niterói) Coleção João Sattamini, Brasil
     

  • Pinacoteca do Estado de São Paulo, Brasil
     

  • Itaú Cultural, São Paulo, Brasil
     

  • Museu de Arte Contemporânea da Universidade de São Paulo (MAC-USP), Coleção Marcantonio Vilaça, Brasil
     

  • Coleção Metrópolis - TV Cultura, São Paulo, Brasil
     

  • Jornal O Globo, Rio de Janeiro, Brasil
     

  • Coleção Stadt Sparkasse Frankfurt Oder, Alemanha